Itinerários Culturais

O Centro Nacional de Cultura tem como grandes linhas de ação a defesa e divulgação do património cultural português. Relembrar e aprofundar as ligações históricas e culturais entre Portugal e as diversas regiões do mundo por onde passaram descobridores lusitanos, relatar de uma forma cuidada e precisa, leve e interessante o cruzamento entre povos bem distintos entre si, bem como “trilhar” de novo os itinerários deixados pelos portugueses e os europeus que se cruzaram por essas regiões.

Apoio: Ministério da Cultura

 

Itinerários CNC
Itinerários TRYART

Itinerários CNC

Ciclo Lugares Sublimes
Em 2022, o Centro Nacional de Cultura inicia um novo ciclo de viagens intitulado Lugares Sublimes, onde beleza, memória e vida se conjugam. São únicos e proporcionam experiências raras de fruição e conhecimento. Assim, vamos ao encontro de territórios e locais muito variados, mas sempre com uma intensa matriz cultural e múltiplas referências bem visíveis no nosso quotidiano. 

Ciclo Os Portugueses ao Encontro da sua História
Viagens temáticas que procuram ir ao encontro dos vestígios deixados pelos portugueses dos séculos XVII e XVIII pelo mundo fora, realizando na atualidade novas formas de relacionamento com base nessa história comum. Projeto desenvolvido desde 1985, conta sempre com o acompanhamento de um especialista na área da História e de um criador cultural da área da literatura ou das artes visuais.
A cada viagem, segue-se a publicação do respetivo Diário de Viagem.

Ciclo Avós e Netos
Tendo como guia o Prof. Anísio Franco, um ciclo que otimiza a disponibilidade de sócios séniores e seus netos, dedicado à visita de locais das antigas civilizações que foram berço da nossa.

Ciclo Fronteiras e Identidades
Toda a cultura possui um território onde se desenvolve e as fronteiras que a ligam e a separam do Mundo. Ser português significa possuir uma identidade cultural que se desenvolve naturalmente em territórios geográficos e naturais próprios, que possui património cultural e valores específicos, uma forma de viver e de agir. Em termos geográficos as fronteiras do território português estão balizadas em boa parte pela Geografia e pela História que nos une e nos afasta dos outros povos ibéricos. A partir desta ideia, e sempre com o Prof. José Luís de Matos, visitámos Mérida e Córdova (2001), Salamanca, Toro, Simancas e Zamora (2002), Sevilha e Granada (2003), Santiago de Compostela (2004) e Toledo, Madrid, Segóvia e Ávila (2007)

Próxima viagem

Os Portugueses ao encontro da sua História: Taprobana
De 1 a 9 de dezembro de 2023, com Anísio Franco [+ info]

Itinerários TRYART

Itinerários culturais aprovados pelo Centro Nacional de Cultura.

À descoberta de lugares únicos pela mão de especialistas de referência internacional.

Uma parceria Centro Nacional de Cultura / TRYVEL

Viagens Realizadas

Subscreva a nossa newsletter