Jovens Criadores Bolsa das artes 2002/2003 Literatura

Jacinto Lucas Pires

Jacinto Lucas Pires nasceu no Porto em 1974. Vive em Lisboa.

Publicou vários livros pela editora Cotovia, entre os quais Azul-turquesa (ficção, 1998), Livro usado (viagem ao Japão, 2001), Do sol (romance, 2004), Perfeitos milagres (romance, 2007), Assobiar em público (contos, 2008) e O verdadeiro ator (romance, 2011).

É o autor de VAMOS, em parceria com o fotógrafo Tiago da Cunha Ferreira (edição Fundação Calouste Gulbenkian, 2011); um livro de não-ficção sobre dezasseis jovens africanos ou descendentes de africanos em Portugal.

Escreve peças de teatro para diferentes grupos e encenadores, das quais podemos destacar: Universos e frigoríficos (1998, APA/CCB, encenação Manuel Wiborg), Figurantes (2004, Teatro Nacional São João, encenação Ricardo Pais), Os vivos (2007, O Bando, encenação João Brites), Silenciador (2008, Teatro Oficina, encenação Marcos Barbosa), Sagrada família (2010, Culturgest/Viriato, encenação Catarina Requeijo), Tu És O Deus Que Me Vê (2010, Teatro Nova Europa, encenação Luís Mestre), Exactamente Antunes (2011, Teatro Nacional São João, encenação Cristina Carvalhal e Nuno Carinhas), Cidade Domingo (2012, Teatro Oficina, encenação João Henriques), Adalberto Silva Silva (2012, monólogo para Ivo Alexandre).

Traduziu as peças Thom Pain de Will Eno, Ácido DesoxirriboNucleico de Dennis Kelly, A Febre de Wallace Shawn e O Meu Jantar Com o André de André Gregory e Wallace Shawn.

Realizou duas curtas-metragens, Cinemaamor (1999) e B.D. (2004).

Foi-lhe atribuído em 2008, pela Universidade de Bari/ Instituto Camões, o Prémio Europa David Mourão-Ferreira.

Faz parte, com Tomás Cunha Ferreira, da banda Os Quais, que lançou um meio disco em 2009 e um disco inteiro em 2012, Pop é o contrário de pop.

O seu último romance, O verdadeiro ator, ganhou o Grande Prémio de Literatura DST 2013. Este romance foi editado em novembro de 2013 nos EUA pela Dzanc Books, com o título The True Actor.

E-mail: jacintolucaspires@gmail.com 
Website: http://oqueeugostodebombasdegasolina.blogspot.com/

Subscreva a nossa newsletter