Home Sobre nós Serviços Novos sócios Bolsas Mecenas Contactos English Français
"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"
Helena Vaz da Silva LER BIOGRAFIA

Recordar João Benard da Costa

No dia 7 de fevereiro de 1935 nasceu João Benard da Costa

Um homem de talento e sabedoria.

Foi com António Alçada Baptista uma das almas da revista “O Tempo e o Modo”, que teve uma importância crucial na preparação da democracia e na abertura de horizontes na nossa vida literária e artística. Foi dirigente ativo do Centro Nacional de Cultura e da Associação para a Liberdade da Cultura, sobretudo na passagem dos anos sessenta para setenta, e muito lhe devemos por isso. E nos últimos anos continuou a dar-nos um apoio generoso e permanente. A sua presença continuará, por isso, muito viva para todos nós. Foi um grande escritor. A Cinemateca Portuguesa foi a sua paixão. Legou-nos aí um trabalho fundamental.

A melhor homenagem que lhe devemos é não esquecer os seus projetos ligados à aproximação do público em relação à história do cinema, que se confunde com a história do mundo no último século. Os seus textos sobre literatura e sobre as artes são referências. Era um grande amigo.

Edição: 07 de fevereiro de 2018