Home Sobre nós Serviços Novos sócios Bolsas Mecenas Contactos English Français
"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"
Helena Vaz da Silva LER BIOGRAFIA

Marco Paulo Magalhães

música

Marco Paulo Alves Magalhães nasceu no Porto em 1980. Começou os seus estudos musicais no Conservatório de Música do Porto.
Nesta instituição teve a oportunidade de estudar Flauta de Bisel com os professores Pedro Couto Soares e Pedro Sousa Silva. É licenciado pela Escola Superior de Música de Lisboa do Instituto Politécnico de Lisboa, na qual concluiu o curso de Música na Variante de Instrumento – Flauta de Bisel. Nesta instituição teve a oportunidade de trabalhar com o Professor Pedro Couto Soares (Flauta de Bisel e Flauta Traverso), Professor Stephen Bull e Professora Cremilde Rosado (Música de Câmara), e Professora Joana Bagulho (Baixo Continuo).
Em 2005, decidiu continuar os seus estudos na Holanda, estudando com Paul Leenhouts e Walter van Hauwe, no Conservatório de Amesterdão. Entre o ano lectivo de 2006/2007 e de 2007/2008 teve o privilégio de pertencer ao grupo de bolseiros do Centro Nacional de Cultura/Instituto Português da Juventude.
Durante o seu percurso, frequentou diversos cursos de aperfeiçoamento tendo trabalhado com Heiko ter Schegget, Peter Holtslag, Peter van Heyghen, Pedro Couto Soares, Pedro Sousa Silva e Kees Boeke, Jill Feldman, Ku Ebbinge and Enrico Onofri, entre outros.
No ano lectivo de 2002/2003 exerceu actividades como docente de Flauta de Bisel e Música de Câmara na Academia de Música de Paços de Brandão. Nesse mesmo ano, desempenhou um papel de docente no Colégio de Nossa Senhora do Rosário, onde permaneceu durante 3 anos lectivos. No ano lectivo de 2004/2005, leccionou Flauta de Bisel na Academia de Música de Lousada e na Academia de Música de Paços de Brandão.
Como concertista, Marco Magalhães tem tido a oportunidade de se apresentar tanto a solo como em diversos grupos de música antiga e orquestras, como: Capela Real, A Imagem da Melancolia, Il Dolcimelo, Concertus Antiquus, Sete Lágrimas, The Garnier Ensemble, Les Cinq Élèments, The Royal Wind Music, Orquestra Sinfónica Portuguesa, entreoutros. Apresentou-se em Portugal, Espanha, Holanda, França e USA sendo de destacar, Loulé (V Encontro de Música Antiga de Loulé 2003 e X Encontro de Música Antiga de Loulé 2008), FRINGE – Festival de Música Antiga de Utrecht 2004, Faro (Capital Nacional da Cultura 2005), Festival Internacional da Galicia 2005, Tomar (XXIV Curso de Verão da Academia de Música Antiga de Lisboa 2006), S. Roque (18ª Temporada de Música em S. Roque 2006), projecto entre o Teatro Nacional de São Carlos e a Culturgest (2006/2007) interpretando a ópera infantil “Pollicino” (O Pequeno Polegar) de Hans Werner Henze, Almodôvar e Santiago do Cacém (3.º Festival Terras sem Sombra 2006/2007), FRINGE – Festival de Música Antiga de Barcelona 2007, Mulhouse (Le Festival International de Musique Baroque de Mulhouse 2007) e outros.

Durante a sua estadia na Holanda, tem tido o privilégio de se apresentar nas mais famosas salas de espectáculos na Holanda, como Concertgebouw Amesterdão, Muziekgebouw Amesterdão, ICRO Festival em Leiden e Philharmonie Haarlem.

Com A Imagem de Melancolia, gravou um CD “A Arte da Usurpação” em 2005, para a etiqueta PHONEDITION.
Em Janeiro de 2007, gravou um CD para a etiqueta MURECORDS.    

No ano de 2008 gravou dois CDS, inserindo A Imagem de Melancolia e The Royal Wind Music.

E-MAIL: marcopama@gmail.com

aimagemdamelancolia.net