Home Sobre nós Serviços Novos sócios Bolsas Mecenas Contactos English Français
"É de Cultura como instrumento para a felicidade, como arma para o civismo, como via para o entendimento dos povos que vos quero falar"
Helena Vaz da Silva LER BIOGRAFIA

Fernando Miguel Jalôto

Música – Práticas Históricas de Interpretação (Cravo, Órgão, Baixo Contínuo e Direcção);

Música – Investigação e Edição.

Fernando Miguel Jalôto é natural de Vila Nova de Gaia. Concluiu os diplomas de Bachelor of Music e de Master of Music no Departamento de Música Antiga e Práticas Históricas de Interpretação do Conservatório Real da Haia (Países Baixos) estudando com Jacques Ogg, e sendo bolseiro do Centro Nacional de Cultura. Frequentou Master-Classes com Gustave Leonhardt, Olivier Baumont, Ilton Wjuniski, Laurence Cummings e Ketil Haugsand, e estudou órgão barroco, fortepiano e clavicórdio. Foi membro da Académie Baroque Européenne de Ambronay sob a direcção de Cristophe Rousset, e da Academia MUSICA (Bélgica) sob a direcção de Wim Becu e Dirk Snellings. Mestre em Música pela Universidade de Aveiro é presentemente Doutorando em Ciências Musicais - Musicologia Histórica - da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, como bolseiro da FCT.

É fundador e director artístico do Ludovice Ensemble, apresentando-se em prestigiantes festivais e salas de concerto em Portugal e no estrangeiro, e com o qual gravou um CD para a editora Ramée/Outhere nomeado para os prémios ICMA Awards 2013 e que foi calorosamente recebido pelo público e pela crítica especializada internacional. Colabora regularmente com a Orquestra Barroca da Casa da Música do Porto, e trabalhou com grupos especializados internacionais, tais como La Galanía (com o qual gravou um CD para a editora Anima e Corpo), Capilla Flamenca, Oltremontano e La Colombina. Foi durante vários anos membro da Orquestra Barroca Divino Sospiro com quem se apresentou em inúmeros concertos em Portugal e no estrangeiro, e gravou dois CD para a editora Dynamic. Com a Lyra Baroque Orchestra (Minnesota) e a Real Escolania de San Lourenço d'El Escorial gravou um CD para a editora Glossa.

Apresentou-se em vários festivais e concertos em Portugal, Espanha, França, Bélgica, Holanda, Reino Unido, Áustria, República Checa, Polónia, Bulgária e Japão. Toca regularmente com a Orquestra Gulbenkian (Lisboa) como primeiro cravista e organista, e apresentou-se com a Orquestra da Radiotelevisão Norueguesa, a Camerata Academica Salzburg, a Orquestra de Câmara da Sinfónica da Galiza, a Orquestra Sinfónica e o Coro da Casa da Música, a Orquestra Metropolitana de Lisboa, entre várias outras. Trabalhou já sob a direcção de Ton Koopman, Roy Goodman, Christina Pluhar, Christophe Rousset, Fabio Biondi, Laurence Cummings, Antonio Florio, Harry Christophers, Andrew Parrott, Rinaldo Alessandrini, Chiara Banchini, Enrico Onofri, Alfredo Bernardini, Jaap ter Linden, Elizabeth Wallfish, Christophe Coin, Erik van Nevel, Paul McCreesh e Riccardo Minasi, entre muitos outros. Como solista gravou a obra de Charles-François Dieupart para a editora holandesa Brilliant.

Foi professor e/ou acompanhador em várias escolas, nomeadamente a Escola de Música do Conservatório Nacional de Lisboa, o Conservatório de Música do Porto, e a Universidade de Évora.


migueljaloto@ludoviceensemble.com / mjaloto@hotmail.com

www.ludoviceensemble.com

Edição: 04 de março de 2014